Rio Tinto celebrou dia da Padroeira com bênção do Complexo Paroquial

Investimento do Município de Esposende de 250 000 euros

No dia em que celebra a sua Padroeira, Santa Marinha, a comunidade de Rio Tinto, Esposende, assistiu à bênção do complexo paroquial – Salão Paroquial e Capela Mortuária, obra da Fábrica da Igreja que foi financiada pelo Município de Esposende em 250 mil euros.

A presidir ao ato e à celebração da eucaristia esteve o Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, que considerou estar perante “um dia especial e marcante para a comunidade de Rio Tinto”. Sublinhou a relevância destes equipamentos, na medida em que visam o bem comum, e considerou perfeitamente justificável o investimento do Município. “Não é pura e simplesmente fazer favores a ninguém, é uma questão de justiça”, frisou D. Jorge Ortiga, agradecendo ao Presidente da Câmara Municipal “o sentido de colaboração” que tem mantido com a paróquia de Rio Tinto, bem como com as demais freguesias, possibilitando a concretização de projetos que beneficiam toda a comunidade.

Na mesma linha, o Arcipreste de Esposende, Padre Delfim Fernandes, expressou sentida gratidão à Câmara Municipal, particularmente ao Presidente Benjamim Pereira, pelo empenho que colocou na construção da Capela Mortuária e na obra de requalificação do Salão Paroquial e de toda a zona envolvente, bem como pelo significativo apoio financeiro concedido. “Nós tínhamos o fermento, a Câmara Municipal deu-nos a farinha para fazer o pão”, referiu numa alusão à parábola bíblica.

Também o Presidente da Junta da União das Freguesias de Fonte Boa e Rio Tinto salientou o importante papel de Benjamim Pereira na concretização desta obra. Carlos Escrivães deixou claro que a autarquia a que preside reconheceu e assumiu a necessidade destes equipamentos, razão pela qual foi integrada no Plano Municipal de Investimento nas Freguesias. Deixou, assim, agradecimentos ao presidente Benjamim Pereira e restante executivo municipal pelo empenho e disponibilidade.

“Um trabalho exemplar de cooperação e união de esforços em prol da população” foi como o Presidente da Câmara Municipal resumiu a parceria com a Fábrica de Igreja, que permitiu concretizar mais este investimento em Rio Tinto, notando que o ato de bênção acrescentou um valor especial ao dia da Padroeira Santa Marinha.

Benjamim Pereira assinalou que a este investimento se soma a recente beneficiação da Fonte de Santa Marinha, que se traduziu no melhoramento geral do centro cívico da freguesia. Lembrou, de resto, que no âmbito do Plano de Investimento nas Freguesias, foi executada a ampliação do cemitério, a reconstrução da rua das Pontizelas e o arranjo do caminho de Cervães, referindo também o apoio à aquisição de um veículo de transporte de passageiros. Adiantou que outros projetos estão previstos para Rio Tinto, desde logo o prolongamento da Ecovia do Cávado e a construção do passeio entre a escola primária e o Centro Cívico, e assegurou que vão prosseguir as intervenções na rede viária e no melhoramento dos caminhos agrícolas. Benjamim Pereira garantiu também que, nos próximos dias, avançará a obra de Retificação do Traçado da Rua Padre Cândido Rodrigues Saloio, na Estrada Nacional 205-1, repondo a segurança nesta via onde ocorreu uma derrocada e anunciou que vai avançar também a obra de alargamento da ponte das Rodinhas.

Contas feitas, referiu, estão em causa investimentos diretos do Município, sem qualquer apoio de fundos comunitários, na ordem dos 800 mil euros, fazendo de Rio Tinto “uma das maiores, senão a maior, freguesia com maior investimento per capita do concelho”, o que, considerou, além de contribuir para a coesão territorial, denota “desapego eleitoral e respeito pelas populações, responsabilidade e justa repartição de apoios”.

Benjamim Pereira assegurou que apesar dos condicionalismos económico-financeiros, o Município continuará a honrar os compromissos assumidos com as populações e com os seus representantes. Ressalvou, contudo, que se impõe equilíbrio entre ambição e sensatez, dado que os recursos financeiros são limitados.

Concluiu com agradecimentos, nomeadamente ao Arcebispo D. Jorge Ortiga por se ter associado ao momento festivo, ao Padre Delfim Fernandes e à Fábrica da Igreja pelo trabalho desenvolvido, e, ainda, à Junta de Freguesia, que “mesmo neste contexto difícil das uniões de freguesia forçadas tem sabido cumprir a sua missão de forma exemplar”.

INFORMAÇÕES ÚTEIS

Contactos

FONTE BOA

Rua da Escola, 14

4740 – 415 Fonte Boa

Tel. +351 253 982 800

Fax +351 253 982 526

secretariafb@uf-fonteboa-riotinto.pt

 

RIO TINTO

Lugar da Igreja

4740 – 612 Rio Tinto

Tel. +351 253 852 528

Fax +351 253 852 528

secretariart@uf-fonteboa-riotinto.pt